O Padre Eustáquio não poderia ficar de fora. E não ficou: está na seleta lista dos 10 bairros de BH com o maior número de bares e similares. Há 130 endereços por essas bandas, conforme mapeamento da Prodabel, empresa municipal de informática e informação.

É o único bairro da Noroeste no ranking, o que reforça a importância do Padreco para a economia da região. Há bares para todos os gostos. A diversidade atrai tanto moradores quanto visitantes (a reportagem continua após a foto).

Os amigos Danillo Benevides, Paulo Sá, Lucas Malta e Vinícius Freitas em alegre bate-papo. Foto: Isabella Souto

O contador Danillo Benevides, que mora no Caiçara, adora prosear por estas bandas com o dentista Paulo Sá e os empresários Lucas Malta e Vinícius Freitas: “Estamos sempre aqui. A cerveja é gelada e o espetinho, de qualidade”.

Ele se refere ao espetinho mais famoso do bairro, o Ponto de Prosa, inaugurado em outubro de 2011 na praça Geraldo Torres, cartão-postal do bairro. O local oferece ao público 13 rótulos de cerveja, 21 sabores de espetinhos, além de drinks e sucos naturais. E não surgiu na praça por acaso.

Quem conta é um dos sócios, Eduardo de Castro Soares, morador do bairro há 24 anos: “Sou apaixonado pela Geraldo Torres. Quando vi o anúncio de transferência do ponto, não pensei duas vezes. Chamei minha irmã, Isabela, e montamos o Ponto de Prosa”.

Eduardo continua a história: “Temos uma lanchonete no Centro e, como somos ‘botequeiros’, também decidimos abrir o bar para as pessoas se encontrarem no bairro. A ideia é um local em que os clientes não fiquem engessados, sentados na mesa” (a reportagem continua após a foto).

Um brinde às amigas Rúbia, Cristiane e Andrezza. Foto: Paulo Henrique Lobato

A sorridente bancária Andrezza Melo levou duas amigas, a engenheira Rúbia Rabelo e a compradora Cristiane Lucca, para um alegre bate papo no Ponto de Prosa. “Um ambiente agradável”, disse a anfitriã.

O Ponto de Prosa funciona de segunda a sábado, das 17h à meia-noite. Que tal um tim tim lá?

 

Se desejar anunciar no Jornal do Padre Eustáquio e no site www.jornaldopadreeustaquio.com.br, mande um zap para nós: (31) 98477-7179.

 

 

Você poderá gostar de ler também:

A rua Padre Eustáquio já foi a via dos cinemas em BH

Fabuloso: o Padre Eustáquio visto do alto

Conhece o museu no Padre Eustáquio?

 



Comentários

comentários