A praça Geraldo Torres será tema de uma exposição fotográfica, em 16 de junho, no próprio cartão-postal do bairro Padre Eustáquio.

As imagens prometem tanto pitadas de saudosismo aos moradores mais antigos quanto surpresas aos mais novos (a reportagem continua após a foto).

 

Cartão-postal do bairro, a Geraldo Torres será tema de exposição. Foto: Petter Guerra

Algumas fotos, por exemplo, mostram a fonte d’água que havia no local. Ficava no centro da Geraldo Torres e testemunhou o início de vários namoros.

Mas a fonte por pouco não foi parar no lixo. A prefeitura a retirou durante uma reforma na Geraldo Torres e não teve intenção de reinstalá-la.

Foi graças ao artista Fernando Barbosa e Silva que a fonte foi preservada. “Quando vi que ela iria parar no lixo, telefonei para um amigo, que mora no bairro. Ele providenciou um caminhão e a levou para um sítio. Se não fosse ele…”.

Fernando é o autor das fotografias que serão expostas na praça. O projeto será realizado em parceria com o vereador Orlei.

“As imagens ajudam a contar a história não só da Geraldo Torres, mas do bairro Padre Eustáquio”, disse o parlamentar, que é vice-presidente da Câmara Municipal de Belo Horizonte.

Orlei é o grande responsável pela revitalização da praça. Em 2017, em parceria com o deputado estadual João Vítor Xavier, instalou uma academia a céu aberto o local.

Este ano, ao lado de comerciantes, conseguiu novas camadas de tintas para toda praça. E intermediou a adoção da praça pelo paisagista Bráulio Braga por meio do programa Adote o Verde, da prefeitura de BH.

O que você achou desta reportagem? Deixe seu comentário no campo abaixo ou em nosso Instagram.

Leia também:

Fabuloso: o Padreco visto do alto

Espettos, diversão garantida

Mãos dadas para ornamentara praça no Carlos Prates



Comentários

comentários