Padre Eustáquio,

    

Coronel José Benjamim, a rua do fazendeiro

Uma das principais ruas do Padre Eustáquio, a Coronel José Benjamim homenageia a memória de um baiano nascido em 1860 e que comandou a Guarda Nacional. Mas qual o vínculo com o Padreco?

Rua homenageia ex-fazendeiro

Ele foi um dos donos da Pastinho, uma fazenda fundada antes da inauguração de Belo Horizonte e cujas terras foram ocupadas por boa parte do que é hoje o Padre Eustáquio e bairros como o Coração Eucarístico, Minas Brasil, Dom Bosco e Monsenhor Messias.

José Benjamim foi um visionário: presidiu a Junta Comercial, fez fortuna açúcar, sal e tecelagem. Morou em Ouro Preto, Queluz e Sabará antes de apiar em BH. Se mandou para a Europa e retornou à Pastinho antes de o beato holandês fazer milagres por aqui.

Um de seus legados foi ajudar no desenvolvimento da então nova capital de Minas Gerais. Talvez não seja por acaso que uma das esquinas da rua Coronel José Benjamim seja justamente com a Progresso.

Veja vídeo sobre a Coronel José Benjamim no Instagram do Jornal do Padre Eustáquio. Aproveite para anunciar sua empresa em nosso Instagram.

Leia também:

Avivamento da rua Cesário Alvim



Comentários

comentários

Cotações do dia

Clima