Padre Eustáquio,

    

Jornal Padre Eustáquio

Brincadeira que deu certo e ganhou nome: HL Studiohair

O que começou com uma brincadeira se transformou numa empresa que é referência no ramo da beleza no Padre Eustáquio. “Eu trabalhava numa financeira e comecei a brincar de cortar os cabelos de primos e primas lá em casa. Quando dei por mim, muitas pessoas estavam me procurando. Daí montei um salão em casa mesmo e deixei a financeira”, contou Hugo Leonardo de Souza, dono do HL Studiohair. Continue reading

Síndico profissional: salário de R$ 3 mil a R$ 5 mil

Síndico profissional: salário de R$ 3 mil a R$ 5 mil (por Leonardo Bento) –

Viver em sociedade não é tarefa fácil; afinal, cada um tem particularidades que nem sempre agradam a todos. Imagine, então, o dia a dia num condomínio. Há muitos pontos positivos, não é mesmo? Também há os negativos, que sobram para o síndico. (Texto continua após a foto). Continue reading

Espelho, espelho meu, o que me diz

Todos conhecemos a história da Cinderela, onde o espelho encantado responde repetidas vezes à rainha a respeito da superioridade de sua beleza em todo o reino. (o texto continua após a imagem) Continue reading

Tim tim para nós

O Padre Eustáquio não poderia ficar de fora. E não ficou: está na seleta lista dos 10 bairros de BH com o maior número de bares e similares. Há 130 endereços por essas bandas, conforme mapeamento da Prodabel, empresa municipal de informática e informação. Continue reading

Fight Studio, sua academia de artes marciais e lutas no Padre Eustáquio

O começo de uma bonita história que tem tudo para revelar grandes vencedores. Tanto no esporte quanto na vida. Afinal, dedicação, disciplina e persistência são ingredientes necessários para um roteiro com final feliz. E tudo isso é facilmente percebido na Fight Studio, inaugurada em 2017.

Continue reading

Conhece o projeto Mercearioteca?

Preço não é mais desculpa. Três lojas no Padre Eustáquio oferecem gratuitamente livros para estimular a leitura de adultos, jovens e crianças. A Mercearioteca é uma biblioteca comunitária montada em pequenos comércios e está à procura de mais parceiros. Topa participar? Continue reading

Vamos falar sobre Cidades?

Vamos falar sobre Cidades? Você tem um caso da sua cidade pra contar? Conte pra gente aqui. Mande seu texto para o meu email: silviaprata@gmail.com. Vamos nos encantar com a sua história.

Esse texto é sobre minha passagem por São Paulo no tempo do mestrado. É do primeiro dia de aula. Era mês de agosto, um mês apenas da minha separação no casamento. Tudo era muito novo. Muita coisa mudou em mim e na minha vida.

Esta crônica faz parte da coletânea Cidades. Participei de um concurso internacional de crônicas e fiquei em segundo lugar. Virou livro, “Cidades em prosa e verso”, da Editora Alba. Tudo o que conto aqui aconteceu assim, desta forma.
É o meu jeito floreado de escrever, esse jeito um tanto mineiro, tão detalhista, mas muito real.
Que a minha emoção chegue até vc…

Sílvia Prata Moreira é graduada em artes plásticas, com mestrado em novas tecnologias. Professora de dança em projeto social para a terceira idade

São Paulo, terra da garoa, da história… Da religiosidade…

Da janela do ônibus avisto São Paulo, meu coração sempre bate acelerado nesta hora. Estou chegando. Aquele ar enfumaçado, grandes, enormes prédios, acho linda a São Paulo que vejo.

Desço no Terminal Tietê, entro no metrô, uma sensação indiscutível, meu coração dispara. Gente descendo, subindo, ninguém olha pra ninguém. Cada roupa estranha, cabelos coloridos, piercings, paletó e gravata, malas e malas. Pessoas desconhecidas em vários idiomas e dialetos.

Quanto caminho até ali, Betim, Carmópolis de Minas, Perdões, Varginha, Pouso Alegre, Extrema, Atibaia, entre uma cochilada e outra vou olhando as placas, as pessoas. Meu pensamento ainda viaja vendo passar uma a uma as estações do metrô. Estação Vila Mariana, desço. Pego um ônibus que me levará ao Ipiranga. Ah… essa Ipiranga com São João, “quando passei por ali eu nada entendia, da deselegância discreta de suas meninas”, já dizia Caetano (texto continua depois da imagem).

Avenida Paulista, a mais brasileira das vias. Crédito: José Cordeiro/ SPTuris / Divulgação

Vou observando cada detalhe, nada escapa ao meu olhar. São Paulo tem cheiro de história, história da educação e religiosidade. São tantas escolas e conventos. Venho de Minas, um cheiro diferente, Minas tem cheiro de luta, de arte no barroco de suas igrejas douradas. São Paulo ao mesmo tempo em que se ergue para o céu, numa contemporaneidade esplendorosa, conta uma história de séculos, em cada janela, em cada portão, nos nomes das ruas, dos bairros, nomes das escolas e conventos… irmandades infinitas no meio de toda aquela gente. Pergunto ao trocador onde fica o endereço que procuro e ele me diz pra descer depois do farol, acho graça. Em Minas, a gente diz sinal ou semáforo. Até nossas linguagens se confundem, tantas histórias dentro de um mesmo país. É a nossa pluralidade cultural em cada estado, em cada cidade.

Venho para estudar. Fazer o mestrado. Desço em frente ao convento onde vou dormir. Um grande portão, não tem campanhia, bato palmas, o portão se abre. Subo uma escadaria que dá num grande salão. Uma freira na portaria me atende. Tão nova!, sem querer eu digo, um enorme sorriso no rosto, um semblante calmo, sereno… “Estávamos te esperando”, diz ela, me dando um grande abraço como se fôssemos velhas conhecidas e estivéssemos com saudades. Me entregou umas chaves, dizendo já ter feito a minha cama, apontou um corredor enorme, escuro, e disse: “é por ali, você acha”.

Comecei a caminhar. À medida que andava, as luzes acendiam, mas apagavam quando eu passava dando uma sensação de medo, um silêncio sepulcral. Cheguei a um pátio onde no meio havia uma enorme imagem de Nossa Senhora. Fui caminhando no escuro, não havia nada naqueles grandes corredores, às vezes uma gravura de Nossa Senhora ou um crucifixo.

O barulho que meu sapato e as rodinhas da minha mala faziam no chão de madeira me incomodava. Tirei os sapatos, segurei entre os dedos, com a outra mão peguei a mala, silêncio total. Um lugar sem som, eu acostumada a viver com tantos barulhos em volta, sirenes, freadas, gente falando, resmungando. Era interessante não ouvir nada, só minha respiração ofegante, que eu controlava para que eu mesma não pudesse escutar.

Andava agora só de meias, com sapatos e malas nas mãos, uma cena pra foto, procurando meu quarto pra dormir. Ninguém pra informar. Parecia ora um castelo, ora um sepulcro. Vi uma luz ao longe, pequena, tênue, a curiosidade venceu o medo, fui em direção à luz. Era uma pequena sala, algumas almofadas no chão, um tapete no meio, uma árvore oca com a pequena lâmpada dentro, embaixo em letras delicadas estava escrito: …Estava te esperando… sentei no chão, rezei, pedi pelos meus filhos lá em Belo Horizonte, uma cunhada, pedi também pelo meu coração, tão perdido… chorei… aquela sala me parecia tão aconchegante, penso que tanta gente já rezou ali. Fiquei um tempo, sentindo a presença de Deus no silêncio, uma experiência emocionante, tanto tempo correndo, trabalhando, estudando, filhos pra criar. Chorava de emoção, tanto tempo eu não parava pra ouvir a voz de Deus.

Ao sair da sala, o meu quarto estava ao lado, observei que ele era de uma simplicidade extraordinária, uma cama comum de madeira, já com um travesseiro e um cobertor, tantos anos durmo com edredom, uma pequena mesa, uma cadeira e um armário, uma gravura de Nossa Senhora na parede, bem antiga, meio azulada… só. E meu som, meu abajur, minha TV, meu computador que fica ao lado da minha cama? E o conforto de um banheiro dentro do quarto? O que se fazia ali ao deitar? Acho que só serviria pra ler, pensei. O banheiro ficava ao lado, no corredor, ali também pouca coisa, um vaso sanitário, uma pia, um chuveiro. Um pequeno, pra não dizer minúsculo espelho acima da pia.

Sentei na cama e fiquei olhando lá pra fora, uma São Paulo de luzes que faiscavam no horizonte. Era bonito ver a noite acontecendo. Estava frio e uma chuva fininha tornava ainda mais belo aquele espetáculo.

Tomei banho e fui para o quarto, peguei um livro pra ler. Uma sirene soou, levei um susto. Uma voz de alto falante, vinda não sei de onde abençoava, pedia pra apagar as luzes e desejava boa noite. Pronto, eu não iria mais ler. O que eu faria? No escuro daquele quarto, ainda sem sono, pensava, acho que é de propósito, pra você pensar na vida, no dia, reorganizar a cabeça, como diz um amigo.

Nem vi quando dormi, acordei com uma fresta de luz sobre o travesseiro, seria também proposital a cama naquele lugar? Ouvia o canto do Bem-te-vi, vários deles, lembrei de outro Bem-te-vi que um dia ouvira também cantar, debrucei na janela e fiquei observando, encantada, contemplando aquela cena bucólica, um pátio enorme, árvores, muitos pássaros. Fiquei com vontade de ir lá naquela salinha pra rezar, agradecer pela noite, pela vida. Rezei e chorei de novo.

Outra vez a sirene desejando bom dia. Arrumei depressa, pois teria aulas durante todo o dia. Consegui achar mais fácil a saída, tudo ali parecia ser milimetricamente pensado, propositalmente.

Encontrei de novo a freira na portaria com aquele largo sorriso e um bom dia. Despedi rapidamente.

Desci as escadas e passei pelo portão, dei uma olhadinha pra trás pra ouvir mais um pouquinho o Bem-te-vi cantar…

********************************

Agenda de Fevereiro:

 

Dia 20/02 – Retorno das aulas Grupo Gente Feliz – Salão da igreja São Luiz Gonzaga (atrás da feira coberta) – BH

silviaprata@gmail.com

https://www.facebook.com/silvia.prata.58

https://www.facebook.com/encantartblog/

Conversa com Sílvia Prata

Whatsapp: 31-99198-5785

E a saudade, como fica?

E a saudade, como fica?

(por Viviane Meyerewicz)

Você já pensou como seria morar fora do seu país de origem?

Muitas pessoas se aventuram nesta mudança. Algumas para se aprimorar. Outras para estudar. Tem quem queira trabalhar e ganhar dinheiro ou até mesmo porque conheceu uma pessoa especial e decidiu se casar. Uma coisa é certa: os motivos para uma mudança são variados. Continue reading

Os fantasmas da nova capital

Vários fantasmas assombraram Belo Horizonte desde sua inauguração, em 12 de dezembro de 1897. A pesquisadora Heloísa Starling, da UFMG, alerta que para entendermos estes fantasmas devemos antes conhecer o contexto da construção da capital, que, oficialmente, teve o nome de Cidade de Minas até 1901. Continue reading

Mais de 1.000 acidentes no Padreco. Até quando?

“Um ônibus avançou o semáforo na Padre Eustáquio, bateu no carro que descia a Vila Rica e o empurrou contra o poste. Um barulho alto. A senhora que estava no automóvel, infelizmente, morreu”, recorda João Paulo Ribas, dono da banca de revistas numa das esquinas do perigoso cruzamento. Continue reading

Lugar de gente feliz

 Esbanjando alegria, dona Heloísa, de 72 anos, chegou toda sorridente ao salão da paróquia São Luiz Gonzaga, no bairro Minas Brasil. Minutos depois, transpirando felicidade, chegou seu José Isaías, de 65 anos. Era dia de dança cigana para dezenas de mulheres e homens da terceira idade.

Continue reading

Amor que não cabe no coração

Amor que não cabe no coração. Um grupo de moradores do Caiçara não mede esforços para proteger animais que peregrinam pelo bairro. A recepcionista Gilvana Almeida, de 40 anos, a cantora Lucinéia Toledo, de 50, e a vendedora de produtos de beleza Thelma Vieites, de 66, são exemplos de como o ser humano deve ajudar animais indefesos. As três e outros amigos cuidam de 18 gatos de rua que vivem na ladeira da Heroína Maria Quitéria. Continue reading

Sossego no coração do Carlos Prates

Já imaginou morar num lugar silencioso, tranquilo, como se fosse uma cidadezinha dos rincões de Minas, mas ao mesmo tempo próximo a todo tipo de comércio e em plena barulhenta metrópole? O que é um sonho distante para muita gente é a realidade dos poucos moradores da vila Panicali, no coração do bairro Carlos Prates, região noroeste de Belo Horizonte. Continue reading

Como nasceram… (Usual)

Não é por acaso a imagem de Padre Eustáquio sobre o balcão da Usual, representante da Hering aberta em 2017 pelo casal de professores Carlos Eduardo e Cristiane. Por pouco o comércio deles não surgiu em outro bairro… Lá no Cidade Nova. O casal já havia até escolhido o ponto. Continue reading

Como nasceram… (Pedrinho Baby Kids)

O sotaque revela: Luiz Mauro é paulista. Bastam dois minutos de conversa para saber que se trata de um camarada boa prosa. Natural de Guarulhos, formou-se tecnólogo e, feito passarinho, voou todo o Brasil: “Trabalhei em obras por todo o país”. Continue reading

Lição de vida e de alegria

Um cantinho para desejar coisas boas às pessoas, parabenizar os aniversariantes, demonstrar o amor pela família, discutir assuntos de interesse público e apresentar as notícias locais – algumas vezes, até nacionais!!! Aos 20 anos, o estudante Lucas Ribeiro Moreira dá uma lição diária de vida aos mais de 1,7 mil amigos que possui em sua página no Facebook. Continue reading

Por mais arte e menos pichações

O que era feio deu lugar a arte. Graças a um artista que usa o talento para transformar muros de casas e comércios numa espécie de imensas telas grafitadas. Alguns dos centenas de painéis criados em Belo Horizonte por Ricardo Ferreira Pimenta Júnior, de 35 anos, estão no Padre Eustáquio, onde ele mora, e nos bairros vizinhos Carlos Prates e Caiçara. Continue reading

Conhece a feirinha do Padreco?

É com boa prosa e um sorriso que Hélio Leite, de 64 anos, mostra o bonito artesanato em madeira e azulejo na praça dos Sagrados Corações, onde ocorre, nas manhãs de domingos, a feirinha do bairro Padre Eustáquio. Continue reading

Bora lá? Ressaca de carnaval para pet

Você já pode preparar a fantasia do seu animalzinho de estimação. A sétima edição da Acão Solidária Nikita Pet premiará as três mais criativas na manhã do último domingo de fevereiro, dia 25. “O primeiro lugar levará R$ 100. O segundo, uma cesta com produtos da Pet Society. O terceiro, um pacote de ração de 3 quilos da Quatre”, adiantou Giselle Ribeiro, uma das organizadoras. Continue reading

Drone: veja o que pode e o que não é permitido

A proliferação de drones no céu de todo o Brasil deixa claro que o equipamento se tornou excelente oportunidade de renda, abrindo caminho para um leque de imagens fantásticas a um custo bem menor do que vídeos e cliques feitos dentro de aviões ou helicópteros. Continue reading

Minicurso de prevenção ao suicídio

O ano começou e a necessidade de atualizarmos nossos conhecimentos veio junto. Iniciamos  em  setembro de 2016   uma série de encontros entre profissionais e estudantes, em sua maioria da saúde, para aprofundarmos um pouco   mais as questões acerca da prevenção do suicídio, levando em consideração informações e recomendações de
grandes especialistas no tema. Continue reading

A loira do Bonfim – uma lenda urbana

Toda cidade que se preze tem ao menos uma lenda urbana. Em Belo Horizonte não poderia ser diferente. Roubo esta lenda do nosso bairro coirmão, o Bonfim, contíguo ao Carlos Prates e separado geograficamente apenas pela avenida Pedro II. Continue reading

A noite em que taxistas salvaram JK

Meus avós, seu Pepe e dona Stella, vieram de navio da Itália para o Brasil, como muitos. Meu avô, pedreiro de ofício, trabalhou na construção dos prédios na Praça da Liberdade e, depois, na da própria casa, aqui no Carlos Prates. Então eu cresci ouvindo muitas histórias aqui da região e uma delas, que se passou no então aeroclube do Carlos Prates, teve como protagonista o presidente Juscelino Kubitscheck (1902-1976), também conhecido como JK.

Continue reading

Primeiro gol de Reinaldo entre os profissionais do Galo completa 45 anos

O primeiro gol do maior artilheiro do Clube Atlético Mineiro completa 45 anos em 2018. Foi em 4 de fevereiro de 1973 que José Reinaldo de Lima começou a balançar as redes com a camisa dos profissionais, no empate em 2 a 2 com a Caldense. Em 475 partidas, anotou 255 tentos – a estatística não inclui os gols nas categorias de base. Continue reading

Grupo Gente Feliz com novas parcerias para 2018

Queridos amigos e parceiros do Grupo Gente Feliz, agradecemos imensamente as parcerias deste ano e anuncio as novas parcerias para 2018. Continue reading

Site que conquistou moradores da região ganhará versão impressa

Boa notícia: o site www.jornaldopadreeustaquio.com.br ganhará versão impressa recheada com notícias exclusivas sobre os bairros Padre Eustáquio, Carlos Prates, Caiçara, Minas Brasil e Coração Eucarístico. Para comemorar a novidade, a primeira edição reserva um presente imperdível aos comerciantes e prestadores de serviços: anúncio por APENAS R$ 50. Mande-nos um Zap (98477-7179), email (noticiasdope@gmail.com) ou mensagem em nossas redes sociais: pelo Facebook (clique aqui) ou Instagram (Jornal do Padre Eustáquio). Continue reading

Teatro e espaço multiuso serão inaugurados no Padre Eustáquio

Exclusivo: teatro fechado em 2009 no Padre Eustáquio reabrirá as portas, em janeiro de 2018, com capacidade para mais de 400 pessoas e contará com espaço multiuso e museu em homenagem à memória do beato que emprestou o nome religioso ao bairro. Continue reading

Os balões encantados de Natal!

Os balões encantados de Natal!

Sílvia Prata Moreira é graduada em artes plásticas, com mestrado em novas tecnologias. Professora de dança em projeto social para a terceira idade

Querido (a) amigo (a): no mês de dezembro, teremos na coluna “Uma conversa com Sílvia Prata”, do site Jornal do Padre Eustáquio, crônicas sobre histórias de Natal. O texto de hoje é da minha amiga Maria Cleuza Tuler. Continue reading

Papai Noel existe!

Papai Noel existe!

Querido (a) amigo (a): no mês de dezembro, teremos na coluna “Uma conversa com Sílvia Prata”, do site Jornal do Padre Eustáquio, crônicas sobre histórias de Natal. O texto de hoje é da minha amiga Patrícia Cristina Ferreira. Continue reading

O que é ser feliz?

O que é ser feliz?

(por Viviane Meyerewicz) – 

Muitas pessoas acreditam que a felicidade está na busca de um relacionamento amoroso. Outras acreditam que para ser feliz é preciso ter bens materiais, estudo, amigos e relacionamentos saudáveis. Continue reading

Caminhada pela paz, segurança e justiça

A fina chuva sobre o Padre Eustáquio na noite de sábado (16) não foi por acaso. Para parentes e amigos de Ramon Santana, vítima de cinco tiros na cabeça disparados no domingo anterior por um cabo da Polícia Militar que estava de folga, a garoa era uma espécie de lágrimas de quem já está no céu. Continue reading

Anjos protetores

Há anjos que não têm asas. São de carne e osso mesmo. E protegem, principalmente, animais. Há vários deles na região do Padre Eustáquio. Tratam-se dos protetores de cães, gatos, aves e outros bichinhos de estimação que, por algum motivo, se perderam dos donos ou foram – acreditem – abandonados. Continue reading

Presentes para o Padreco nos 120 anos de BH

Dentro das comemorações dos 120 anos de Belo Horizonte, o Padre Eustáquio ganhou, nesta terça-feira (12/12), importantes presentes para aliviar um imenso gargalo no trânsito do bairro. Entraram em operação os semáforos nos cruzamentos das ruas Jacutinga e Vila Rica. Continue reading

Luto no Padre Eustáquio!

Voz da Massa (por Rafael Melo) –

Às vésperas do Natal, o Padre Eustáquio está de luto. A comunidade, comovida. E a música “Canção da América”, de Milton Nascimento, nunca fez tanto sentido para muita gente como agora: “Amigo é coisa para se guardar/ Debaixo de sete chaves/ Dentro do coração (…)”. Perdemos um exemplar pai de família que sempre se despedia das pessoas repetindo o lema ensinado pelo beato que emprestou o nome ao bairro: “Vá com Deus. Saúde e paz!”. Continue reading

A medicina do amor

Querido (a) amigo (a): no mês de dezembro, teremos na coluna “Uma conversa com Sílvia Prata”, do site Jornal do Padre Eustáquio, crônicas sobre histórias de Natal. O texto de hoje é do meu amigo Pedro Jorge Fonseca

Se você gosta de escrever, envie o seu texto para o meu email, com fotos: silviaprata@gmail.com. Será um grande prazer publicá-lo.

Se puder, deixe aqui o seu comentário. O meu muito obrigada e um beijo enorme

*****************************************************************************************

A medicina do amor

João cursava medicina. Faculdade pública, uma das melhores do país. João era daqueles garotos para quem a vida sempre sorria: irmã linda, amiga, confidente, que acabara de passar no processo seletivo da mesma escola e para o mesmo curso. Passaporte todo carimbado. Ótimos pais, Joana e Renato, que viviam um casamento feliz. Um carro somente seu. E uma namorada, Aninha, que só não era melhor por falta de espaço: 1,5 metro de doçura e apaixonadíssima por ele.

 

Mas, por razões que a razão desconhece, João teve um episódio sério de depressão em seu segundo ano na faculdade. Ficou mal desde o mês de maio. A ponto de cancelar sua ida aos Emirados Árabes, nas férias de julho. E este foi o conselho de um psiquiatra muito amigo da família:

 

– Vocês vão. Não deixem de ir. Deixem o João comigo. Eu cuido dele.

 

E assim foi. E assim foram. Sabiam que o pior, no caso do tratamento de João, já havia passado, e o conselho era de um profissional experiente. Embarque no dia 20 de julho e volta no dia 31. Longe de ser a viagem dos sonhos, aquele foi um tempo de “abandonar” terapeuticamente o menino crescido.

 

– Vocês o encontrarão melhor na volta – como se fosse um carimbo, Lino, o psiquiatra, escrevia todos os dias isso no WhatsApp.

 

Desde o primeiro dia da viagem da família, Lino falava com João, como se a um filho:

 

– A medicação lhe fará bem, mas só quando você passar a enxergar o outro, a dor do outro, a vida do outro, o drama do outro… é que sua dor vai
passar.

 

– E o que posso fazer na prática, Lino, para aprender isso?

 

– Daqui em diante, João, todos os dias de sua vida, todos os dias, pense num gesto, um sorriso, uma caridade, uma mão estendida, uma demonstração de amor… faça diferente o dia de alguém com quem você não se importava ou se importava pouco. Desde o dia 21 de julho, o jovem passou a praticar o conselho tarja-preta. Naquele dia, o primeiro do resto de sua vida, recebeu a empregada na porta principal da casa com um sorriso (não se sabe de onde tirou o sorriso e a exclamação) e falando o nome dela:

 

– Bom dia, Etelvina!

No segundo dia, ligou para a avó, com quem não falava há meses. No terceiro, pediu perdão à namorada, por telefone, por sua reclusão e secura nas últimas semanas. No quarto dia, teve forças para sair de casa e visitar um professor no hospital, acometido de uma doença grave. No quinto, enviou email à família, aos cuidados da gerência do hotel onde estavam, em Abu Dhabi.

 

Impresso, pareceu um telegrama: “Estou suportando bem a sofrida ausência. Ficarei ainda melhor quando puder abraçá-los, beijá-los e dizer do meu afeto e da minha gratidão a Renato, Joana e Lelê”. No sexto dia, levou mamão picado para o porteiro do prédio. No sétimo, mandou a Lino um WhatsApp: “Daqui pra frente, tudo vai ser diferente. Eu vou aprender a ser gente”. Era uma paráfrase de letra do Roberto Carlos, muito admirado pelo psiquiatra. No oitavo dia, foi à casa da amada, após longa ausência, disse a ela o “eu te amo” mais sincero da vida, chorou muito e descansou longamente em seu colo.

 

O certo é que os três chegaram e encontraram outro João: bonito, barba feita, banho tomado, cheiroso, quase feliz. Ainda inseguro para dirigir, pediu a Zico para ir com ele ao aeroporto. É claro que o zelador do prédio em que a família morava ficou feliz por realizar um sonho:

 

– Um dia eu ia dirigir um Honda novinho desse! Eu sabia.

 

Chegando a família em casa, a alegria foi muita e falou-se mais de João que de Dubai e Abu Dhabi:

 

– Esse Lino é um milagreiro! – comemorou Renato.

 

Mal sabiam eles, no entanto, que o verdadeiro milagre aconteceria no Natal. Nos meses seguintes, agosto, setembro, outubro, o filho de Joana melhoraria ainda mais. No final de novembro, perguntou à mãe se poderia chamar Etelvina e a família para a ceia de Natal:

– É claro! Já faz vinte natais que ela trabalha conosco.

Desde o dia 21 de julho, João reservou R$ 20 de sua “diada” (o que ganhava por dia do pai) para presentear Etelvina. Em mais de quatro meses, ele já tinha cerca de dois mil e quinhentos reais. No Natal, seriam mais de três mil.

 

Mas guardou segredo.

 

No dia da ceia, Renato, antes da prece, pede a atenção de todos:

 

– Hoje estamos muito contentes. Primeiro porque é aniversário de Jesus

 

Cristo, o mais importante nesta noite. Depois porque eu e Joana fizemos 25 anos de casados este mês. Depois porque o Joãozinho superou muito bem a fase emocional difícil por que passou. Agradecemos muito a Deus, ao Lino e à Aninha por sua recuperação. Mais uma coisa boa: a Lelê começou a fazer medicina também, continuando o legado da família. E outra bênção: no dia 1º de dezembro fez exatos 20 anos que a Etelvina trabalha conosco. Hoje ela é, com todas as honras, um membro da família. Obrigado, Etelvina! Você foi e é um anjo em nossas vidas.

 

Renato entregou a Etelvina uma enorme caixa, envolta num bonito papel de presente. Ela ia abrindo uma caixa e surgia outra, menor. E assim até que, na décima, estava um cheque de R$ 20.000,00. A pobre Etelvina, que sofria de um tantão de coisas e já tinha 68 anos, caiu desmaiada. Alguns minutos depois, recobrada a consciência, a filha dela disse:

 

– Que maravilha! Que bênção! Isso quase dá para quitar a dívida do nosso Minha casa, minha vida. Obrigada, Dr. Renato!

 

Este conto fica por aqui, na expectativa de que o “quase” tenha desaparecido após os mais de três mil reais que João entregaria, em dinheiro vivo, às duas da madrugada. Levou a família visitante de volta para casa em seu Honda superlotado, de motorista totalmente recuperado e feliz.

 

Pedro Jorge Fonseca, professor da Escola Municipal Professora Eleonora Pieruccetti e servidor da Secretaria do Tribunal de Justiça de Minas Gerais

 

Publicidade: seu sorriso mais bonito

Clique e descubra o que os cirurgiões-dentistas Marco Aurélio da Silveira e Circe Guimarães podem fazer para deixar seu sorriso mais bonito. CONVÊNIOS: Unimed, Amil, Odontoprev, Rede Una, Interodonto, Rede Dental, Bradesco, DM Odonto, Privian, Care Plus, Odonto Serv, SEPAO, Protodente, IBI, Riachuelo Continue reading

Cego amor pelo Cruzeiro

Cego amor pelo Cruzeiro (texto de Reginaldo Costa) –

Foi numa viagem de férias à Amazônia­ que Vítor Belim, cruz­eirense de Belo Hori­zonte, deu uma guinada a uma belíssima história que pode ser imortalizada num livro. Daquelas que precisam ser contadas a exaustão mesmo. E é o que vou fazer neste artigo. Continue reading

Fim da polêmica sobre estacionamento na rua Padre Eustáquio

Exclusivo: o estacionamento gratuito de veículos ao longo das ruas Padre Eustáquio e Pará de Minas não será modificado. A polêmica sobre a possibilidade de a BHTrans proibir a parada de carros e motos ou implantar o Faixa Azul nas duas vias pautou conversas no bairro por causa das últimas alterações no trânsito da região. Continue reading

Padre Eustáquio e Carlos Prates terão faixa preferencial para ônibus

Exclusivo: ônibus terão faixa preferencial nas ruas Padre Eustáquio, Pará de Minas e Rio Pomba. A informação foi repassada com exclusividade ao site www.jornaldopadreeustaquio.com.br pela BHTrans. Continue reading

Placas de ‘Pare’ são enfeites no Padre Eustáquio?

“O motorista que acreditar nas placas de parada obrigatória no Padre Eustáquio é corajoso”. O desabafo foi feito por um morador, na manhã desta terça-feira (28/11), logo após mais um acidente de trânsito no bairro. Desta vez, o estrondo foi no encontro da Riachuelo com a Francisco Bicalho, onde há duas placas de Pare, além de uma pintura de parada obrigatória no asfalto. Continue reading

Você precisa conhecer este site: www.Lexam.com.br

Todo conto de fadas deveria ter por trás um bom perfume, daquele que arranca suspiros que a gente não sabe explicar. Porque bom mesmo é final feliz com cheiro de felicidade. E tenha certeza: todo mundo tem direito de ser príncipe ou princesa. Mas nem todos nasceram para ajudar a realizar os sonhos de outras pessoas. Isso é tarefa difícil.

Continue reading

Acidentes no Padre Eustáquio: até quando?

Até quando motoristas imprudentes ou desatentos colocarão em risco a própria vida e a de terceiros no Padre Eustáquio? Na tarde desta quinta-feira (23/11), uma moto e um ônibus bateram no cruzamento da Vila Rica com a Pará de Minas. Quem avançou o semáforo?Para evitar cenas como esta, o site www.jornaldopadreeustaquio.com.br,  lança a campanha #TrânsitoSeguronoPadreEustáquio. Se você é a favor, compartilhe esta reportagem.

Continue reading

IPTU de BH para 2018. Confira aqui o que mudou

A prefeitura de Belo Horizonte reajustou o Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) de 2018 em 2,94%, abaixo dos 6,58% do percentual deste ano. A diferença ocorre porque a administração pública leva em conta o Índice de Preço ao Consumidor Amplo Especial (IPCA-E), calculado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e que, na prática, serve como uma prévia da inflação.

Continue reading

Puts!!! Você precisa conhecer esta galera da bike

Que tal conhecer a arquitetura, as praças e as paisagens dos bairros Dom Cabral, Coração Eucarístico, Minas Brasil, Padre Eustáquio e outros da região num agradável passeio noturno de bike? Se sua resposta for sim, você precisa conhecer o Puts, sigla para Pedal Urbano das Terças, formado por dezenas de homens e mulheres de diferentes idades e classes sociais.

Continue reading

Criança nasce em viatura da PM

Quando você cruzar o caminho do sargento Tales e o do cabo Costa Veloso, tire o chapéu para os dois militares da 9ª companhia, na Via-Expressa. Graças a eles uma ocorrência policial emocionante terminou com final feliz e comoveu a população do bairro Padre Eustáquio: uma criança nasceu na noite do primeiro sábado de dezembro na viatura (RP 23732) usada pelos dois para patrulhar a região. Continue reading

Sobre educação familiar e outras coisas (Por Bruno Mendes /
Psicólogo / Psicanalista)

Participei, no fim de semana, de uma maratona de filmes, aproveitando a chuva convidativa. Dentre eles, The Glass
Castle (O castelo de vidro), do diretor Destin Daniel Cretton, com os já familiares Woody Harrelson e Naomi Watts no elenco, em interpretações interessantes. Continue reading

Faixa azul chega ao Padre Eustáquio e Caiçara

Cinquenta anos depois de ser criado por lei em Belo Horizonte, o polêmico Faixa Azul estreia no Padre Eustáquio e Caiçara. Desde a terça-feira 9 de novembro, a exigência do rotativo passou a ser obrigatória nos quarteirões da Henrique Gorceix que vão da Rio Pomba (Padre Eustáquio) à Ramos de Azevedo (Caiçara). Continue reading

Cruzeiro: o amor de Helen pelo maior de Minas

Cruzeiro: o amor de Helen pelo maior de Minas.

O amor da fotógrafa Helen Ribas pelo Cruzeiro é imensurável. A mineira, que há dois anos mora no litoral do Nordeste, conseguiu mudar o nome da rua em que reside. “A via se chamava Projetada. Convenci os 11 vereadores de Nísia Floresta (cidade vizinha a Natal) a aprovarem um projeto de lei e o prefeito o sancionou. Desde o mês passado, moro na rua Cruzeiro”. Continue reading

Sabiá, atleticano nota 10

Sabiá, o torcedor nato do Galão da Massa

A feijoada servida na casa de seu Antero Rodrigues Romualdo, mais conhecido como Sabiá, é tão fantástica quanto sua paixão pelo Clube Atlético Mineiro, o Galão da Massa. Continue reading

Dia de festa no meu coração

Dia de festa no meu coração

Ontem lembrei de meu pai.

Vi uma propaganda de Natal na TV e lembrei do meu pai dizendo…”domingo é dia de buscar o galho“. É que a gente fazia a árvore de Natal com um galho enorme, cuidadosamente escolhido nas redondezas. Continue reading

#CompreDoPequeno

#CompreDoPequeno –

O site www.jornaldopadreeustaquio.com.br abraçou a campanha da hashtag que circula nas redes sociais de todo país como forma de estimular a economia dos pequenos empreendedores, que geram a maioria dos empregos no Brasil. Que tal você também empunhar esta bandeira? Continue reading

Exclusivo: mudanças no trânsito do Padre Eustáquio (parte 3)

A terceira e última etapa do pacote de intervenções no trânsito do bairro terá oito trechos com mudanças no sentido de circulação, o maior número entre as alterações que serão implantadas pela BHTrans. Continue reading

Empreendedorismo de saia: elas fazem a diferença

Empreendedorismo de saia: elas fazem a diferença.

A habilidade com que Sílvia Prata transforma legumes e frutas em enfeites para mesas ou um “punhado” de balas e bombons numa doce árvore de Natal é de encher os olhos… E dá água na boca. Da mesma forma, a criatividade com que Fernanda Oliveira capricha nos mimos com papelaria personalizada atrai elogios… E desejo de levá-los para casa. As duas fazem parte de um grupo que se você for do sexo feminino e administra – ou pensa em montar – a própria empresa precisa conhecer o mais rápido possível.

Continue reading

E.E. Cristiano Machado: arte de ensinar a vida

E.E. Cristiano Machado: arte de ensinar a vida –

Não há como duvidar: é mesmo de encher os olhos… O painel grafitado pelos alunos da Escola Estadual Cristiano Machado, num projeto em parceria com estagiários da PUC Minas, deu mais que nova roupagem à parede do pátio da instituição de ensino, uma das mais antigas do bairro Padre Eustáquio. Continue reading

Trânsito no Padre Eustáquio terá grandes mudanças (parte 2)

Trânsito no Padre Eustáquio terá grandes mudanças (parte 2) –

Exclusivo: a segunda etapa do pacote de intervenções para melhorar o tráfego de veículos no bairro e ao mesmo tempo garantir segurança aos pedestres contará com um par de semáforos no cruzamento da Vila Rica com a Jacutinga, pondo fim a um dos principais gargalos no trânsito da região, e transformará seis ruas de mão dupla em sentido único. Esta fase ainda prevê alteração no itinerário da linha 9412.

Continue reading

O Padre Eustáquio é a Espanha? E o Carlos Prates, a Eslovênia? Já o Caiçara, a República Tcheca?

Professores e alunos do curso de pós-graduação em comunicação social da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) fizeram uma brincadeira curiosa: se o seu bairro fosse um país, qual seria? O estudo avaliou que o Padre Eustáquio seria a Espanha. Já o Carlos Prates, o Coração Eucarístico e o Minas Brasil seriam a Eslovênia. O Caiçara, por sua vez, a República Tcheca. O que você acha disso?

Continue reading

Trabalho temporário? Leia este texto.

Trabalho temporário? Leia este texto.

(por Viviane Felizardo Meyerewicz) –

Com a proximidade do fim do ano, surgem oportunidades de trabalho temporário em vários segmentos. Entretanto, as oportunidades mais ofertadas são na área de vendas, caixa, estoque e atendente. O que as pessoas não sabem é que uma simples oportunidade de trabalho temporário pode se transformar numa carreira
promissora na empresa. Continue reading

Natal mais colorido no Caiçara e Carlos Prates

O Natal chegou colorido e com boas músicas à região Noroeste de Belo Horizonte. No Caiçara e no Carlos Prates, moradores se uniram para enfeitar as praças. Já no Padre Eustáquio, destaque para a apresentação do coral Colônia Diamantina. Continue reading

Como o pilates ajuda na prevenção e no tratamento da incontinência urinária

Como o pilates ajuda na prevenção e tratamento da incontinência urinária

(por Érica Boscatte) –

Sabe aquela vontade incontrolável de fazer xixi? Sabe quando você ri tanto a ponto de ter que sair correndo para o banheiro porque o xixi está “escapando”? Sabe quando você vai fazer um exercício mais pesado na academia, vai correr na rua ou na esteira e o xixi escapa?? Sabe que “ela” pode demorar a aparecer, mas quando aparece incomoda e muito?? Continue reading

Exclusivo: mudanças no trânsito do Padre Eustáquio

Exclusivo: o trânsito no Padre Eustáquio vai mudar. O bairro que sofre com o intenso fluxo de veículos, por ser uma região de passagem, será alvo de grandes intervenções para melhorar tanto o tráfego de automóveis e ônibus quanto a segurança de motoristas, passageiros e pedestres. Algumas ruas terão o sentido de circulação invertido. Outras deixarão de ser mão dupla. Enquanto cruzamentos perigosos receberão semáforos, alguns ganharão quebra-mola. Haverá ainda faixas de pedestres e até alteração no itinerário da linha 9412.

Continue reading

Que tal economizar 51% na conta de luz?

O que você irá fazer com a primeira parcela do 13º salário? Que tal investir num serviço que pode lhe render uma economia de 51% na conta da energia elétrica de sua casa ou empresa? Não é uma boa dica? Ainda mais porque a conta de luz anda com a tarifa na cor vermelha, devido a longa estiagem que compromete a operação das hidrelétricas em todo país.

Continue reading

Conversa com Sílvia Prata: Emília Zélia, fã de Roberto Carlos e Cora Coralina

Professora de dança cigana, Sílvia Prata entrevista Emília Zélia de Oliveira, jornalista, turismóloga e pedagoga. Fã da poetisa Cora Coralina e do rei Roberto Carlos, de quem conseguiu uma rosa num show durante um cruzeiro, ela segue um dos ensinamentos do personagem pequeno Príncipe: “Tu te tornas eternamente responsável pelo que cativas”. Continue reading

Exclusivo: motos terão prioridade na Padre Eustáquio, Rio Pomba e Pará de Minas

Exclusivo: os cruzamentos com semáforos ao longo das ruas Padre Eustáquio, Pará de Minas e Rio Pomba terão área específica para motos, numa espécie de “grid de largada”. A medida é uma estratégia para evitar – ou ao menos reduzir – o número de acidentes envolvendo motociclistas e garupas nos corredores que cortam os bairros Padre Eustáquio e Carlos Prates. Continue reading

Já é carnaval no Padre Eustáquio: “Vou ali e volto”

Ainda faltam mais de 100 dias para a maior festa popular do país, mas o Carnaval de 2018 já abriu alas no Padre Eustáquio. Os blocos aproveitam os finais de semana e feriados prolongados para ensaiar repertório e afinar a bateria. E a cada ano, grupos animados surgem por estas bandas. Continue reading

Concursos públicos: 551 vagas. Uma pode ser sua

Você é daqueles que vivem rodeados de livros e sonham com uma carreira no serviço público? O portal de notícias Jornal do Padre Eustáquio fez um levantamento das principais disputas tanto em Belo Horizonte quanto em Minas Gerais e no país. São 551 vagas com salários de até R$ 7.964,50.

Há funções reservadas para níveis técnico, médio e superior. Os cargos são os mais variados. Quem deseja seguir carreira policial, boa notícia: a PM ofertou 120 vagas; já a Civil irá oferecer 76. Se desejar trabalhar na Câmara Municipal de BH, 102 cargos estão em disputa. Desde já nossa equipe deseja boa sorte a todos os concurseiros.

Continue reading

Pelo bem do Padre Eustáquio, você não pode faltar

Quando comunidade e Polícia Militar são grandes parceiras, todos ganham. Por isso, por mais que o seu dia seja corrido, programe-se para ir ao salão nobre do Santuário Saúde e Paz (igreja Padre Eustáquio), às 19h de 7 de novembro, para uma reunião entre moradores, comerciantes e o comando da 9ª companhia, responsável pelo bairro. Mas atenção: não será um espaço para depoimentos pessoais. Tampouco para relatos de casos isolados.

Continue reading

Escola Cristiano Machado de mãos dadas com a ciência e a cultura

 Quando ciência e cultura andam de mãos dadas tudo fica mais divertido. E tanto aprender quanto ensinar passam a render bons frutos a alunos e professores. É o que ocorre na tradicional Escola Estadual Cristiano Machado, no bairro Padre Eustáquio, onde a Feira de Ciência na manhã do último sábado (28/10) atraiu um bom público. Todos saíram com um sorriso no rosto. Pudera: desfrutaram de atrativos como peça de teatro, sarau literário, varal com ilustrações de capas de livros e revistas, maquetes que estimulam a preservação do meio ambiente e, claro, boas prosas com os amigos.

Continue reading

Da teoria à prática

Viviane Meyerewicz:

Da teoria à prática –

Olá! É um enorme prazer compartilhar com vocês assuntos de interesse comunitário nesse espaço repleto de informações e notícias. Por isso, conto com vocês no envio de sugestões de temas. Continue reading

Obrigado pela vitória, Felipe Borges Lana

Olá pessoal, esta é uma coluna diferente das anteriores. Aliás, o texto abaixo é assinado por minha mãe, Tatiana Lobato. O motivo? Abri espaço para que ela, que amo tanto, homenageie a um profissional que merece nosso agradecimento especial. Vocês vão entender o porquê. Bora ler a coluna dedicada ao educador físico Felipe Borges Lana? Continue reading

Uma só torcida pela Apape!

Atlético, Cruzeiro ou América. Não importa o time do seu coração quando está em jogo a solidariedade pela Associação dos Pais e Amigos de Pessoas Especiais (Apape), entidade sem fins lucrativos que abriga 10 autistas numa casa no Carlos Prates (rua Cambuquira, 489) e outras oito pessoas com deficiência intelectual num imóvel no Padre Eustáquio (Coronel Júlio Murta, 48). Continue reading

“Um por todos; todos por um” no Padre Eustáquio

O que começou como uma reunião entre poucos vizinhos na rua Tuiuti ganhou musculatura, avançou para todas as vias do Padre Eustáquio e se tornou uma importante ferramenta em auxílio à Polícia Militar no combate à violência no bairro mais populoso da região Noroeste de Belo Horizonte, com cerca de 30 mil habitantes. A rede de segurança do Padreco no WhatsApp comemora, este mês, 2 anos e meio de criação e de importantes serviços prestados à população. O grupo já conta com 600 pares de olhos. Continue reading

Padre Eustáquio: campeão de roubos e furtos de veículos

O que muita gente imaginava foi confirmado nesta terça-feira (17/10) pela Polícia Militar: o Padre Eustáquio é o campeão de veículos roubados e furtados em Belo Horizonte. No bairro que homenageia o beato, 39 carros e motos foram surrupiados de seus donos em setembro passado (veja tabelas abaixo). Para reverter este cenário, a PM aposta num projeto novo.

Continue reading

Fé e muita – mais muuuita mesmo – vontade de viver

Sílvia Prata conversa com Maria Auxiliadora –

Conheça a história de uma mãe dedicada que adora cozinhar, viajar e que com muito esforço, persistência e vontade de viver derrotou um AVC. Um dos sonhos dela é embarcar para terras lusitanas. Quem sabe comer um pastel de Belém? Saúde e paz a Maria Auxiliadora.

Continue reading

Mãos dadas para ornamentar a praça São Francisco das Chagas neste Natal

Vamos ajudar a praça São Francisco das Chagas a ficar linda para o Natal de 2017? O Grupo de Moradores e Amigos do Bairro Carlos Prates não mede esforços para retirar do papel uma ideia maravilhosa: ornamentar o coreto e iluminar algumas árvores, a exemplo do que ocorre na praça da Liberdade, para as festas de fim de ano. Continue reading

Impactos da saúde mental no trabalho x impactos do trabalho na saúde mental

Impactos da saúde mental no trabalho x impactos do trabalho na saúde mental

(Bruno Mendes)

Dez de outubro foi celebrado o Dia Mundial da Saúde Mental. E o tema proposto pela Organização Mundial de Saúde (OMS) este ano é Saúde mental no trabalho. Continue reading

Luang Prabang: oásis espiritual!

Luang Prabang: oásis espiritual!

(Alexandre Magno)

Respire fundo… Desacelere seu ritmo…E simplesmente deixe a aura deste ambiente invadir seu ser! Luang Prabang é considerada a capital espiritual do Laos e merece ser experimentada sem pressa. Continue reading

Coral Sagrados Corações está de volta

Respeitável público, o coral infanto-juvenil Sagrados Corações está de volta. Três meses após os 32 meninos e meninas regidos pelo maestro Alex Lima Braz se apresentarem no santuário, em julho passado, o grupo irá presentear os fiéis, depois da missa das 19h30 do próximo domingo, com o espetáculo “Crianças da terra herdarão a paz!”. Continue reading

Câncer de mama: é preciso falar disso!!!

Câncer de mama: é preciso falar disso!!!

(Érica Boscatte)

Embora possa ser um tema difícil de se tratar, falar abertamente sobre o câncer pode ajudar a esclarecer mitos e verdades e, com isso, ajudar principalmente as mulheres no enfrentamento da doença.

Continue reading

Toda mudez será castigada

Toda mudez será castigada

(Bruno Mendes)

Vivemos em bolhas. Vivemos todos em nossas bolhas. A bolha da faculdade, a da profissão, a dos guetos que frequentamos, a dos times de futebol, a das músicas que ouvimos, a das religiões que professamos ou a das bandeiras que levantamos. Continue reading

Sobre produtividade e SMS*

Sobre produtividade e SMS*

(Valeriano Duque de Oliveira)

Produtividade quer dizer eficiência. Por isso é um assunto tão importante a ser tratado por todos. E todos os dias, porque eficiência é uma coisa que todos deveriam buscar, seja nas empresas, seja nos hospitais, no esporte e em nossas casas. Mas o que seria produtividade, de uma maneira bem fácil para todos entenderem? Continue reading

Vamos ajudar o sonho se tornar realidade?

Uma turma muito bacana está à procura de um espaço – preferencialmente no bairro Padre Eustáquio – para um evento que tem tudo para se tornar referência na cidade: o 1º Open Reflexo de Taekwondo, em março de 2018. Continue reading

Carlos Prates: dia de São Francisco e benção aos animais

Muitos fieis chegaram cedo à praça em frente a paróquia dedicada a São Francisco, no Carlos Prates, nesta quarta-feira 4 de outubro. Quase todos, claro, foram acompanhados pelos animais de estimação. Afinal, a data dedicada ao santo, padroeiro da ecologia, é sinônimo do ritual da benção de padres e freis aos amiguinhos de pelo, asas, escamas etc. Continue reading

Temporal transformou dia em noite e trouxe prejuízo

A tarde desta segunda-feira (2 de outubro) virou noite, por alguns minutos, no Padre Eustáquio, Carlos Prates e Caiçara. Por volta das 14h15, uma tempestade sobrevoou a região, acompanhada de rajadas de ventos em torno de 60 km/h e granizos. No Centro, um taxista morreu – o carro dele foi atingido por uma árvore.

Continue reading

Ana Moreira, fé de vencedora

CONVERSA COM SÍLVIA PRATA –

Um bate-papo com Ana Moreira, que faz parte do grupo de dança cigana e é ambientalista. Conheça como esta senhora de 74 anos, que tem na fé uma grande aliada, enfrentou diferentes dificuldades para ter ao lado o sorriso da vitória

Continue reading

Árvore desaba no Carlos Prates

Uma castanheira de grande porte desabou no fim da manhã da terça-feira 17/10 sobre parte do telhado de duas casas na rua Mesquita, uma das principais do bairro Carlos Prates. Por sorte ninguém se feriu, mas o fato precisa ser esclarecido pelo poder público. Continue reading

Publicidade: Sabor mineiro

A melhor comida mineira em delivery no Padre Eustáquio e região. De segunda a sexta, das 11h às 14h, sem taxa de entrega.

 

Continue reading

Empregos disponíveis no Padre Eustáquio e região

Empregos disponíveis no Padre Eustáquio e região –

Há vagas para gerentes, vendedores, operadores de caixa, estoquistas etc. Devido à proximidade das festas de fim de ano, a maioria delas é para trabalho temporário, mas vale lembrar que este é um bom caminho para ser efetivado. Há oportunidades para o primeiro emprego. E empresas que exigem experiência comprovada em carteira. Continue reading

Sobre orientação, reorientação ou reversão sexual, dentre outras coisas

Sobre orientação, reorientação ou reversão sexual, dentre outras coisas

(Bruno Mendes)

Esta semana muito se especulou sobre uma certa liminar de um certo juiz de Brasília, e sobre as perspectivas limitadas e reducionistas de pessoas que defendiam a mesma (inclusive uma minoria de psicólogos(as)), numa clara demonstração de interpretação literal, noutras palavras, pessoas que levam ao pé da letra. Continue reading

Primavera colore ruas do Padreco, Carlos Prates e Caiçara

Não se faça de rogado. Tampouco deixe a pressa tirar a chance de desfrutar do colorido nas ruas do Padre Eustáquio, Carlos Prates e Caiçara. A primavera chegou… Então, por mais que sua vida seja corrida, tire um tempinho para apreciar as diversas espécies de flores, arbustos e árvores que emprestam charme à região nesta época do ano.

Continue reading

“Corta-caminho” vira dor de cabeça para moradores do Padreco

Antiga moradora do Padre Eustáquio, a comerciante Ana Cristina Cornélio, de 54 anos, observa, incrédula, como as ruas do tradicional bairro se transformaram numa espécie de “corta-caminho” para motoristas que fogem do caótico trânsito da Via-Expressa e Avenida Pedro II. Continue reading

Adauto, o fã de tango e boa prosa

Conversa com Sílvia Prata –

Conheça senhor Adauto, criador do Festival de Talentos das Manhãs de Domingo: “Ninguém acreditava que iria daria certo, mas graças a Deus foi um sucesso! Estamos na terceira edição, com muito amor e alegria!”. Aos 62 anos de idade, seu Adauto arruma as malas. Irá para Argentina conhecer mais sobre uma dança que o encanta, o tango.

Continue reading

Paraíso no Caiçara

A aposentada Mônica Gonçalves, de 66 anos, está sempre à disposição de uma boa prosa, principalmente se a conversa for em um dos seus locais preferidos: o Parque Ecológico e de Lazer do Bairro Caiçara, onde ela, diariamente, aproveita o passeio para se exercitar na academia a céu aberto.

Continue reading

Obesidade

Obesidade

(Valéria Lima)

Vocês sabiam que, segundo o Ministério da Saúde, metade da população brasileira está acima do peso?

Pois é… Triste notícia!… Continue reading

As relações nos dias de hoje

As relações nos dias de hoje

(Bruno Mendes)

Tempos Modernos! Esses já se foram… atravessamos a pós modernidade (os dias de hoje) em meio a efervescência de objetos que nos impulsionam a escolher cada vez mais sem critérios. Troca-se o celular, o tênis, o perfume, a foto do perfil, a foto de capa, o status do relacionamento, mas a solidão e o vazio que não podemos preencher com produtos nos persegue dia e noite. Continue reading

Jardins da São Francisco das Chagas serão revitalizados

Foi com um sorriso que dá gosto de ver que dona Márcia Lima, de 63 anos, comemorou a novidade no cartão-postal do tradicional bairro Carlos Prates: “Os jardins da praça São Francisco das Chagas serão revitalizados”. O local será cuidado pelo instituto Zilda Piccinini, instituição sem fins lucrativos voltada à população de baixa renda, por meio do programa Adote o Verde, da prefeitura de Belo Horizonte. Continue reading

Benefícios da prática do pilates para ciclistas: força e equilíbrio!

Fisioterapia em debate

(Érica Boscatte)

Domingo, 10 de setembro, realizei um agradável bate-papo com a galera da família Pape sobre os benefícios  e a importância da prática do pilates  para ciclistas, sejam eles iniciantes ou profissionais. Foi um dia de muita informação e, claro, movimento!! E “bota movimento nisso”!!

Continue reading

Braços de ferro

O centro cultural do bairro Padre Eustáquio será palco de uma competição milenar que exige força, estratégia e concentração: o 5º desafio Mineiro de Luta de Braço reunirá mais de 60 atletas, no sábado 16 de setembro, a partir das 13h. Em jogo, sobretudo, a divulgação de um esporte que precisa ser mais valorizado pelo poder público. Continue reading

Qual é o seu valor?

Qual é o seu valor?

(Bispo Carlos Damasceno)

“Não se vendem cinco pardais por duas moedinhas? Contudo, nenhum deles é esquecido por Deus. Até os cabelos da cabeça de vocês estão todos contados. Não tenham medo; vocês valem mais do que muitos pardais!” Continue reading

Kalil briga por Anel Rodoviário na Justiça

Passou da hora de pôr fim à carnificina no Anel Rodoviário de Belo Horizonte: 319 pessoas morreram e 10.209 ficaram feridas nos últimos 10 anos (2007 a 2016), segundo a Polícia Militar Rodoviária. Seus 27 quilômetros se tornaram armadilhas para moradores do Padre Eustáquio, Caiçara e dezenas de outros bairros cortados pelo corredor viário mais movimentado da capital, por onde passam cerca de 160 mil veículos diariamente.

Continue reading

Biel precisa de sua ajuda

Vamos falar de solidariedade? O Gabriel Vieira é um menino lindo, de 5 anos, que apresenta um quadro de epilepsia e paralisia cerebral, o que o impede de andar como os garotinhos da idade dele. Continue reading

Últimas Notícias
Cotações do dia

Clima